quinta-feira, 19 de março de 2009

O que os Ídolos trouxeram


Todo mundo conhece o programa Ídolos. Houve uma época em que eu assistia só as primeiras eliminatórias já que era o momento em que apareciam criaturas estranhas para cantar e os doces jurados falavam tudo que queriam. Lembro de quando pequena ter assistido aquele Popstar que lançou o Rouge (meu Deus!). Minha irmã uma vez pegou o CD delas emprestado com uma amiga, ouvimos duas músicas e o resto não prestava (já entenderam porque elas sumiram né?!). A versão americana dos Ídolos nunca vi, mas ela acabou batendo na minha porta.

Assistindo uns clipes, apareceu esse aí em cima. Clichê no estilo "Eu te amo e você não me quer", mais as imagens do futuro casal adolescente brincando com os amigos em um acampamento (coisa linda de morrer). Não seria nada demais, se não fosse a voz do cantor. Eu fiquei com esse "Crush ain't going away, iei, iei, ieiei..." na cabeça e lembro o tempo todo. Procurei sobre o rapaz, David Archuleta, ele começou no American Idol aos 16 anos. Tá, entendi tudo, acharam um menino bonitinho, simpático (olha ele com a Mariah Carey, um amor xD) e que canta melhor do que muitos que já estão no mercado. Hum, mas ele ficou em segundo lugar (!) O primeiro lugar foi para outro David: David Cook - Light On (desculpe, não tem incorporação :/)

Percebam que esse clipe é um pouco mais maduro (eu disse um pouco). Nada disso de ficar passeando com os amigos as custas do pai, se quer ficar com a garota precisa trabalhar para pagar a gasolina do carro. O clipe também é bonitinho e vejam como o programa é inteligente, conseguiu faturar duas vezes: David Cook não iria cativar menininhas de 14 anos, essa voz não se acha em qualquer lugar e, na minha opinião, atrai um pessoal mais adulto. Tudo bem, joga o outro David no mercado também, esse sim atrai as adolescentes. Pronto, conquistaram vários públicos e o clipe dos dois já passou até na MTV brasileira, ou seja, a coisa parece ir bem.

Enquanto aqui no Brasil, eu não tenho nem idéia de quem ganhou o programa ou se fez sucesso. E fazer sucesso não é aparecer duas ou três vezes no Gugu.

PS: Eu estou escrevendo muita coisa para a faculdade, pelo menos aqui, no blog, eu posso escrever sobre o que quero e isso significa muitos comentários sobre música.

Um comentário:

karlinha disse...

é verdade amiga ..este garoto canta muito e muito bem e acho sim que ele atrai os dois publicos adolescentes e adultos o cara canta demais amei este clip também eu já conhecia american idol porque tenho muitos amigos americanos que falavam nossa você ainda não conhce como assiM? afff KKK
bom além dele já sairam Jordin SPARKS DO AMERICAN IDOL ELA TINHA 16 ANOS NA EPOCÁ UMA LINDA VOZ!